fbpx
Imposto Territorial Rural: justiça tributária e incentivos ambientais

O estudo foi idealizado pelo Instituto Escolhas e realizado em parceria com o Laboratório de Planejamento de Uso do Solo e Conservação (GeoLab) e Grupo de Políticas Públicas (GPP) da Esalq/USP, o economista Bernard Appy e o jurista Carlos Marés. O objetivo do estudo é propor a atualização dos parâmetros para cobrança do Imposto Territorial Rural (ITR), com a revisão da Tabela de Lotação da Pecuária e elaboração de uma nova regulamentação do imposto, em especial para resolver os conflitos hoje existentes entre o ITR e a legislação ambiental. Além disso, o estudo apresenta simulação de cenários de implementação dessas propostas que permitem avaliar o impacto na arrecadação do imposto.

Sumário Executivo
Relatório

Morar Longe: O programa Minha Casa Minha Vida e a expansão das Regiões Metropolitanas

O estudo é uma realização do Instituto Escolhas em parceria com o Centro de Política e Economia do Setor Público da Fundação Getúlio Vargas (CEPESP/EAESP/EESP) com apoio da Fundação Tide Setubal. O objetivo do estudo é investigar se o MCMV contribuiu para a expansão urbana e, com isso, para o agravamento dos problemas das metrópoles brasileiras tais como: a deterioração das áreas centrais, população residindo em áreas com pouca infraestrutura de serviços públicos e distante dos locais de trabalho, afetando a mobilidade urbana. Foram avaliadas 20 regiões metropolitanas: Belém, Belo Horizonte, Campinas, Cuiabá, Curitiba, Distrito Federal, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, Manaus, Palmas, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Santos, Salvador, São Luís, São Paulo, Teresina e Vitória.

Sumário Executivo
Relatório

Quais os reais custos e benefícios das fontes de geração elétrica no Brasil?

Estudo coordenado pelo Instituto Escolhas com a execução técnica das equipes da PSR Consultoria e HPPA. Apresenta metodologia inédita que calcula o custo total da geração de energia no Brasil por meio da avaliação e da valoração dos atributos de cinco componentes para cada fonte de geração prevista no Plano Decenal de Energia (PDE) 2026. – Sumário Executivo

O relatório completo contém quatro partes:
1. Caderno Principal
2. Caderno Custos de Infraestrutura
3. Caderno de Geração
4. Caderno de Subsídios e Custos de Emissão de CO2

Apresentação – Lançamento estudo
Custos e Benefícios de Angra 3

 

Mobilidade Urbana & Baixo Carbono

Pesquisa de opinião sobre mobilidade urbana e baixo carbono adaptada de versão americana promovida pela Oil Transportation Research and Intelligence Network. Realizada pela Ideia Big Data e encomendada pelo Instituto Clima e Sociedade em parceria com o Instituto Escolhas, a pesquisa foi executada em outubro de 2017 e ouviu 3.000 pessoas em todo Brasil. A coleta de dados foi feita por meio de entrevistas pessoais aplicadas via telefone. A margem de erro é de aproximadamente 2,25 pontos percentuais para mais ou para menos dos resultados encontrados no total da amostra, com intervalo de confiança de 95%.

Qual o impacto do desmatamento zero no Brasil?

Estudo coordenado por Sergio Leitão e Lígia Vasconcellos (Instituto Escolhas), com análise biofísica e de uso da Terra de Gerd Sparovek, Vinícius Guidotti (Geolab – Esalq/USP) e Luiz Fernando Guedes Pinto (Imaflora). Análise econômica por Joaquim Bento de Souza Ferreira Filho (Esalq-USP), buscou responder qual o impacto econômico e social de zerar o desmatamento no Brasil.

Sumário Executivo
Relatório

Qual o Impacto de Zerar as Emissões do Setor Elétrico no Brasil?

Estudo coordenado por Lígia Vasconcellos e Shigueo Watanabe Jr., do Instituto Escolhas, e elaborado por William Wills, da EOS Estratégia & Sustentabilidade, buscou responder qual é o impacto econômico, social e ambiental para o Brasil em cumprir a sua obrigação com a Convenção do Clima e, mais ainda, zerar suas emissões no setor elétrico até 2050.

Sumário Executivo
Relatório

Impactos de Mudanças na Matriz Elétrica Brasileira

Estudo coordenado por Roberto Kishinami, em parceria com Andrea Lucchesi (EACH USP), Carolina Policarpo Garcia (doutoranda FGV/SP), Bruno Toni Pailallol (mestrando FEA/USP) e Leonardo Bueno (estagiário FEA/USP) na parte econômica. Apoio do Instituto Clima e Sociedade (iCS), do Instituto Arapyaú e da OAK Foundation. Estudo busca entender o impacto de diferentes cenários de geração elétrica sobre a economia, o emprego e as emissões de GEEs no país.

Sumário Executivo
Relatório

Quanto o Brasil precisa investir para recuperar 12 milhões de hectares de florestas?

Estudo coordenado por Roberto Kishinami e Shigueo Watanabe Jr, realizado a pedido da Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura, a qual encomendou a equipes multidisciplinares do Instituto Escolhas e do Centro de Estudos da Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas (GVces) a construção de cenários da realidade brasileira capazes de englobar três grandes compromissos elencados pelo Brasil em sua NDC.

Sumário Executivo
Relatório

Impactos Econômicos e Sociais da Tributação do Carbono no Brasil

EQUIPE ESCOLHAS, coordenada por ROBERTO KISHINAMI, com orientação de BERNARD APPY e cálculos de emissões de CO2 de SHIGUEO WATANABE JR. Impactos Econômicos e Sociais da Tributação do Carbono no Brasil.

Sumário Executivo

Relatório