fbpx

O que vem por aí? Confira os próximos eventos e lançamentos do Escolhas para o mês de fevereiro

Lei de acesso à biodiversidade, concessões florestais e a extração de ouro e diamantes na Amazônia são alguns dos temas que serão abordados este mês

 

Dizem que o ano só começa depois do carnaval. Mas, como em 2021 não teremos a famosa festa, as atividades do Escolhas já estão a pleno vapor. Em fevereiro, teremos uma agenda repleta de lançamentos, eventos e novidades, em diferentes temas.

Confira abaixo e reserve as datas na agenda:

No dia 9, vai ao ar o sumário executivo “Destravando a agenda da Bioeconomia: Soluções para impulsionar o uso sustentável dos recursos genéticos e conhecimento tradicional no Brasil”, estudo realizado pelo Escolhas em parceria com pesquisadores do escritório Nascimento&Mourão Advogados, com apoio do Instituto Arapyaú. O documento faz parte de uma série de debates, diagnósticos e iniciativas do Instituto Escolhas, realizados desde 2019, para discutir formas de estimular o avanço da bioeconomia no Brasil. Esse esforço resultou, por exemplo, no documento “Agenda para Destravamento da Bioeconomia, enviado em maio de 2020 ao Vice-Presidente da República e coordenador do Conselho da Amazônia, Hamilton Mourão, e nos estudos “Destravando a agenda da Bioeconomia soluções para impulsionar as concessões florestais no Brasil” e “Uma nova economia para o Amazonas: Zona Franca de Manaus e Bioeconomia”, além da edição especial da Revista Interesse Nacional. 

Também sobre bioeconomia, no dia 23, o Escolhas marcará presença em reunião da Frente Parlamentar Ambientalista (FPA) para debater o Projeto de Lei (PL) 5518/2020, que trata sobre as concessões florestais, importante instrumento para manutenção da floresta em pé e para a promoção de renda a partir de atividades econômicas sustentáveis. A transmissão será pelo YouTube da FPA. O PL busca tornar os negócios da floresta mais atrativos, não só fortalecendo as atividades já permitidas, como o manejo sustentável de madeira e o ecoturismo, mas também possibilitando novas atividades de pesquisa e geração de créditos de carbono em florestas preservadas. O projeto de lei foi embasado no estudo  “Destravando a agenda da Bioeconomia soluções para impulsionar as concessões florestais no Brasil”, lançado pelo Escolhas em novembro do ano passado e discutido no âmbito da Coalizão Brasil, Clima, Florestas e Agricultura, redigido e protocolado pelo Deputado Rodrigo Agostinho (PSB/SP).

no dia 25,  o tema será o avanço da mineração de ouro e diamantes na Amazônia, com a divulgação de um novo estudo, que trará dados, diagnósticos e propostas para tratar investimentos, rastreabilidade e ilegalidade desses metais preciosos. O material é um complemento ao estudo “Qual o real impacto socioeconômico da exploração de ouro e diamantes na Amazônia?”, lançado em janeiro e que, analisando as consequências dessa atividade  para a saúde, a educação e o PIB per capita da região, comprovou que os impactos da mineração para municípios da Amazônia não são capazes de transformar a realidade da população.

Gostou? Então fique atento às notícias do Escolhas, porque ainda teremos mais novidades em fevereiro e, em março serão divulgados os novos bolsistas da Cátedra Escolhas de Economia e Meio Ambiente, com seus respectivos projetos de pesquisa.

 

Quer ficar por dentro de todas as novidades? Siga-nos nas redes sociais: 

  • Facebook: Instituto Escolhas 
  • Instagram: @institutoescolhas
  • Twitter: @_escolhas
  • LinkedIn: InstitutoEscolhas 
  • Facebook: Instituto Escolhas 
  • Youtube: youtube.com/InstitutoEscolhas_oficial